A chegada do segundo filho: Como preparar o filho mais velho para a chegada do irmãozinho?

Publicado em 27 de dezembro de 2019 por

Muitas pacientes ficam receosas ao descobrir a segunda gravidez, não pela gestação em si, mas pelo processo de adaptação do filho mais velho, com o bebê que está por vir. É comum que as mamães se questionem sobre a atenção que passará a ser dividida por dois, mas como eu sempre falo, o amor nunca diminui, ele sempre se multiplica.Não quero enganar vocês, no começo será sim um pouco mais difícil, principalmente para o primogênito. A dica é que os pais incluam o mais velho nas atividades, para que ele não se sinta deixado de lado, além disso, dedicar um tempo para fazer coisas que ele gosta ajuda bastante nesta fase.

Desde o começo converse com seu filho e explique que seu irmão está a caminho. Diga que isso não irá afetar em nada a relação de vocês e que em breve ele terá um companheiro para brincar, além de ensinar coisas legais que ele aprendeu e agora como irmão mais velho pode passar ao seu futuro companheiro.

No mais, a segunda gravidez costuma ser mais tranquila que a primeira, pois os pais já estão mais preparados psicologicamente falando, para a chegada do bebê, os medos e receios já não existem mais e é um momento de relaxar, colocar em prática tudo o que deu certo da primeira vez, e aperfeiçoar o que não foi tão bacana assim.

Nestes momentos contar com a ajudar de outras pessoas é importante. Entendo que você como mãe, esteja sempre a fim de participar de todas as atividades, mas não se culpe por isso. Demandar que outra pessoa leve seu filho a escola, dê o banho, ensine as atividades ou troque as fraldas do bebê, não irá te fazer menos presente, nem menos mãe. Seus filhos já te amam, eles já sabem a pessoa maravilhosa que você é, tente relaxar e aproveite essa deliciosa experiência que é a segunda gravidez. Estou torcendo pela felicidade de vocês!

2 comentários em “A chegada do segundo filho: Como preparar o filho mais velho para a chegada do irmãozinho?”

  1. Leandro disse:

    Gostei das dicas , mas manda umas dicas ai se a chegada do segundo filho não seja um e sim dois!!! Rs…

    1. Uau, parabéns!
      As dicas são bem semelhantes viu? É comum também que o filho mais velho faça coisas que já havia deixado de fazer, por exemplo, xixi na cama. Ao invés de puni-lo, tente entender que essa fase é bem difícil para o pequeno se adaptar. Converse bastante com ele e evite dizer que “ele/ela cresceu e já é um rapaz/moça”, ao invés disso, diga sempre que ele/ela será para sempre seu bebê. Assim, o filho não sente que esta perdendo o posto para o irmão mais novo!
      Abraços,

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *