fbpx

Meu filho começou a andar, e agora?

Publicado em 10 de fevereiro de 2020 por

 

Na nossa última conversa falamos sobre seu filho estar começando a engatinhar. E hoje, vamos bater um papo, sobre os primeiros passos do seu bebê. Diferente de engatinhar, andar causa mais espanto nos papais, apesar de toda a alegria que cerca essa nova conquista da criança. Isto acontece, pois a maioria tem medo de que os filhos se machuquem, caiam ou se desequilibrem, mas você papai ou mamãe vai aprender hoje que não existem tantos motivos para se preocupar, basta ter cuidado e atenção, para ajudar seu pequeno nessa nova etapa da vida.

Antes de mais nada, esqueça todas as comparações, nós somos seres únicos, diferentes uns dos outros e temos o nosso tempo evolutivo, assim sendo, não existe uma idade correta para começar a andar, falar, comer, mas sim um período (entre 10 e 18 meses), para que isso aconteça. Se seu filho deu o primeiro passo com 1 ano e 2 meses, mas a irmãzinha começou a andar com 11 meses, não significa que ele tem um atraso neurológico, ou que sofreu pouca estimulação. Ele apenas está se desenvolvendo dentro do seu próprio tempo e não há nada de errado nisso.

Ao contrário do que muitas pessoas pensam, não é o momento de podar as descobertas da criança, mas sim estimular o pequeno. Deixe que ele ande pela casa, toque nos objetos, escolha as próprias rotas e descubra a textura das coisas usando os pés e as mãos, é claro que toda esse tour deve ser feito com vigilância de um responsável. Aconselho vocês a não deixarem objetos cortantes no baixo, usar protetor nas tomadas, assim como guardar os produtos de limpeza que podem ser ingeridos pelo bebê.

Além de toda a atenção que essa nova fase merece, não deixe de estimular seu filho a andar, mas sempre respeitando seu tempo e suas vontades. Comprar um andador também é interessante, para que o pequeno comece a ter certa noção de como é ficar de pé. No mais, aproveite essa etapa tão deliciosa e repleta de novidades. Estou torcendo por vocês. Felicidades!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *