Dicas para engravidar mais rapidamente

Publicado em 23 de outubro de 2019 por

Se você está pensando em engravidar ou está tentando engravidar há algum tempo, essas dicas do Dr. Alberto Guimarães, idealizador do Parto Sem Medo, podem ajudá-la a engravidar mais rapidamente.

Diga adeus aos métodos contraceptivos  o quanto antes
Se você usa pílula, adesivo, injeção – ou outra forma de contraceptivo hormonal – quanto mais cedo você parar, mais rápido seu ciclo poderá retornar ao seu ritmo natural. Os contraceptivos hormonais geralmente contêm uma combinação de estrogênio e progesterona, o que impede você de engravidar, suprimindo a ovulação ou impedindo a implantação. É por isso que pode demorar alguns meses após para que seus hormônios voltem a acelerar e que o período menstrual seja regular. Converse com seu médico sobre esta decisão.

Marque um check-up
É uma boa idéia marcar uma consulta com seu médico sobre remédios que não são adequados para quem deseja engravidar e para garantir que seu corpo (e o de seu parceiro) ) está em sua melhor forma para receber uma gestação. Um check-up rastreia condições crônicas que podem interferir na concepção, como distúrbios da tireóide ou cistos no ovário, e identificar problemas de fertilidade. Depois que você souber que todos os sistemas estão funcionando, você pode começar a trabalhar para engravidar.

Exercite-se de forma correta
Estudos mostram que estar em forma pode torná-la mais fértil. O exercício ajuda a perder quilos indesejados (o excesso de peso pode prejudicar a fertilidade), mas também reduz a pressão sanguínea, os níveis do hormônio do estresse – o cortisol – e aumenta o fluxo sanguíneo para os órgãos reprodutivos – tudo muito necessário para a concepção. Mas a regra é não exagerar, pois exercícios muito vigorosos podem prejudicar seus planos de gravidez, especialmente se seu peso já estiver ok. Por que a discrepância? Exercícios aeróbicos em ritmo acelerado, como correr ou andar de bicicleta, podem mexer com seus ciclos menstruais – e até parar temporariamente a ovulação – mas também pode reverter os efeitos nocivos do excesso de peso. Para encontrar um equilíbrio entre se exercitar muito e não o suficiente, converse com seu médico. Enquanto isso, você sempre pode tentar exercícios de baixo impacto, como caminhar.

Escolha as melhores gorduras – e ajude seu parceiro a fazer o mesmo
O que você come é importante se você quiser engravidar mais rapidamente. Afinal, alimentos saudáveis ​​não apenas te alimentam mas também criam um bebê mais saudável. E alimentos saudáveis são importantes também para o seu parceiro. Gorduras saudáveis ​​como ômega-3 podem aumentar sua contagem e mobilidade de espermatozóides, enquanto gorduras saturadas (o tipo encontrado em chips e fast food) podem sabotar o tamanho e a forma dos espermatozóides, tornando-os menos resistentes, de acordo com um estudo. Por isso, incentive seu marido a dizer não aos hambúrgueres e preferir salmão, sardinha, verduras e nozes.

Aumente sua ingestão de laticínios e ferro
Além de comer corretamente e tomar vitaminas, coma laticínios e e alimentos ricos em ferro, como verduras, feijão e carnes magras.

Reduza sua ingestão de cafeína e elimine outros vícios
Existem vários estudos mostrando que muita cafeína e álcool podem prejudicar a fertilidade.  Portanto, se você realmente quiser engravidar em breve, limite sua ingestão de cafeína a cerca de 200 mg por dia – o que equivale a duas xícaras de café. (Se você estiver em tratamento de fertilidade, o seu médico poderá diminuir ainda mais esse limite.) Mas elimine o álcool completamente e peça ao seu parceiro para diminuir também o consumo dele – isso pode afetar sua fertilidade e a dele.

Não se preocupe demais
Estudos mostram que o estresse extremo pode reduzir suas chances de engravidar, causando níveis hormonais descontrolados e diminuição do muco cervical. Estamos falando de alta ansiedade aqui – não de frustrações comuns como um chefe exigente ou uma criança birrenta. Mas mesmo que você não esteja em níveis altos de estresse, mantenha a calma,  evitando sobrecargas de trabalho, participando de aulas de ioga ou de zumba, ouvindo música ou desabafando com seu parceiro ou amigos.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *